Diretoria do SINDEC vai a campo e detecta condições de trabalho inadequadas

condições de trabalho_740x400

 

 

Num plano de ação da atividade sindical, a diretoria do SINDEC, visando principalmente às condições de trabalho e do impacto ambiental na saúde do trabalhador do comércio de Teixeira de Freitas, vem, desde novembro de 2013, visitando as empresas para conferir a situação. São muitas as irregularidades detectadas em descumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho na sua Cláusula 44ª – Condições de Trabalho, Saúde e Segurança e em descumprimento das Normas do Ministério do Trabalho, NR 17 – Ergonomia e NR 24 – Condições Sanitárias e de Conforto nos Locais de Trabalho.

 

Foram visitadas dezenas de empresas nesse período e, em muitos locais de trabalho a situação, pode-se dizer, era estarrecedora: 1. Falta do assento obrigatório para os/as vendedores/as para o descanso previsto durante a jornada de trabalho; O posicionamento inadequado dos aparelhos dos caixas em detrimento da saúde do/a operador/a; A falta de água potável refrigerada e copos descartáveis, em muitos casos e, em outros, o oferecimento de uma água armazenada em condições absurdas sem as mínimas condições para consumo do ser humano; a falta de sanitários separados por sexo e, em muitos casos, a existência de sanitários totalmente inadequados em termos de higiene e faltando material de limpeza, enxugo e secagem.

 

A diretoria do SINDEC alertou as empresas, quando ao cumprimento das normas no âmbito das condições de trabalho do impacto ambiental na saúde do trabalhador e encaminhou denúncias ao Ministério do Trabalho e Emprego, ao CEREST – Centro de  Referência em Saúde do Trabalhador e à Vigilância Sanitária através da Secretaria Municipal de Saúde do Município.

Tel.: 73 3291.2849
Rua Mauá, 54 - Teixeira de Freitas - Bahia
sindectf@uol.com.br